Avanço do plantio de soja contribuiu para 10% do desmatamento na América do Sul em 20 anos

Cientistas destacam que a extensão ocupada pela soja no continente passou de 26,4 milhões para 55,1 milhões de hectares em duas décadas

Siga o Brasil 247 no Google News
Assine a Newsletter 247

247 – Um estudo conjunto elaborado por cientistas dos Estados Unidos, Brasil e Argentina, aponta que o avanço do plantio de soja foi responsável por 10% do desmatamento registrado na América do Sul nos últimos 20 anos. No Brasil, o país com maior destruição de biomas, a área dedicada ao plantio do grão dobrou no mesmo período. 

Os dados, de acordo com o jornal O Globo, constam de um artigo publicado na revista “Nature Sustainability”. No texto, os cientistas destacam que a extensão ocupada pela soja no continente passou de  26,4 milhões para 55,1 milhões de hectares, uma área de quase o tamanho do estado da Bahia. Na região da Floresta Amazônica, a área plantada se multiplicou por onze no período, saindo de 400 mil para 4,6 milhões de hectares. 

“A descoberta mais importante do nosso estudo está ligada à atribuição da soja como causa precedente da derrubada de florestas no contexto de perda total de florestas na América do Sul”, diz o pesquisador Matthew Hansen, da Universidade de Maryland, que liderou o estudo. 

Inscreva-se no canal Cortes 247 e saiba mais: 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

About macroblogbase10

Check Also

Mello Franco: Bolsonaro “exerce o poder como um cupim da democracia”

“Em dois anos e meio, o cupim Bolsonaro já roeu parte dos pilares do edifício …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *